Notícias

12 maio Rede Inova SP lança curso online de Valoração de Tecnologias

banner-valoração

Texto: Marina Nania

Os profissionais dos Núcleos de Inovação Tecnológica de todo o Brasil acabam de ganhar uma nova ferramenta de estudo para valorar as tecnologias de sua Instituição de Ciência e Tecnologia (ICT). Foi lançado hoje o curso à distância de Valoração de Tecnologias – uma realização do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) em parceria com a Rede Inova São Paulo.

A capacitação é ministrada pelos pesquisadores Yuri Guimarães Tukoff e Paulo Brito, do IPT. Ao decorrer de cinco vídeo-aulas, com carga horária total de duas horas e meia, o curso aborda os diversos métodos de valoração de tecnologias que podem ser utilizados pelos NITs e a aplicabilidade desse processo em suas atividades. É apresentado, ainda, o modelo de valoração utilizado pelo IPT em suas negociações com a indústria.

No início do curso, Tukoff explica que, atualmente, a valoração de uma tecnologia dentro dos NITs é feita durante o processo de negociação contratual e de termos de exploração comercial de uma patente, com o objetivo de se determinar o valor justo a ser recebido por seu licenciamento. Ele esclarece, ainda, as diferenças entre os conceitos de avaliação, valoração e valorização de tecnologias. Enquanto a avaliação é uma análise qualitativa das tecnologias, a valoração é a quantificação do valor monetário das tecnologias e a valorização é a busca por meios de se agregar valor às tecnologias.

São descritas, ainda, as abordagens que podem ser utilizadas no processo de valoração de uma tecnologia. Tukoff explica que os métodos baseados em custo levam em conta os dispêndios efetuados na concepção de uma tecnologia. As abordagens de mercado, como a utilização de padrões de royalties, baseiam-se nos preços de ativos existentes, comparáveis ou similares que já estejam no mercado. Os métodos baseados em renda, por sua vez, consideram o potencial de geração de renda a partir da exploração comercial de uma determinada tecnologia. Nas últimas aulas do curso, os instrutores apresentam o método de valoração de tecnologias utilizado pelo IPT, que foi desenvolvido por eles.

Uma plataforma para disseminação de conhecimento

Uma iniciativa do Projeto Inova Capacita, a plataforma de Ensino à Distância da Rede Inova São Paulo é aberta e de uso gratuito, e conta com cursos de nível básico voltados a profissionais e interessados na área de inovação em todo o Brasil. Além do módulo de Valoração de Tecnologias, estão no ar também os cursos de Introdução à Propriedade Intelectual, Modelagem de Negócios, Avaliação de Tecnologias, Estudo de Mercado e Negociação e Contratos. Produzida pela Agência de Inovação Inova Unicamp, a próxima capacitação a ser lançada terá como tema Comunicação em NITs, ministrado por Vanessa Sensato, gerente de Comunicação da Inova Unicamp. Os alunos que concluírem os cursos com mais de 70% na avaliação final recebem um certificado online de conclusão.

Interessados em conhecer a plataforma podem acessá-la através do link http://inovasaopaulo.org.br/ead/ e realizar seu cadastro gratuitamente.

 

A Rede Inova São Paulo

A Plataforma de Ensino à Distância é parte integrante do Projeto Inova Capacita, iniciativa da Rede Inova São Paulo financiada pelo CNPq que tem como objetivo promover atividades de capacitação e fomento à inovação, empreendedorismo, criação de empresas nascentes e de serviços prestados à comunidade das ICTs. “A Rede Inova São Paulo foi criada com o intuito de fomentar o relacionamento colaborativo entre os NITs, visando potencializar atividades de parceria, transferência de tecnologia e licenciamento, e catalisar a interação entre ICT e empresa com o objetivo de alavancar negócios”, explica o diretor-executivo da Agência de Inovação Inova Unicamp e coordenador-executivo da Rede Inova São Paulo, Milton Mori.

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.